Foto: Ana Paula Abrão

Vocação e incentivo motivam escolha pela Odontologia

Escolher uma profissão é uma tarefa que requer autoconhecimento, afinidade com a área escolhida e informações sobre as demandas do mundo do trabalho. Todavia, para alguns jovens, a vocação se manifesta muito cedo e o sonho infantil pode materializar-se em projeto de vida. Desde criança, Giovanna Alves de Oliveira amava ir ao dentista. O ambiente do consultório, os modelos de dente e os bonequinhos ali presentes despertavam sua curiosidade. Ganhar doces após as consultas, então, era um incentivo para retornar àquele ambiente, que sempre foi sinônimo de alegria.

Anos mais tarde, quando era estudante do SESI Planalto, teve a oportunidade de conhecer uma odontóloga que trabalhava na escola e pôde aprender o que essa profissional fazia no cotidiano e ali ela conhecia um mundo de possibilidades. Naquele momento, mesmo sem a garota perceber, a vida lhe dava indícios do que seria o seu foco profissional.

Sempre participativa nas aulas da escola, ela se destacava pela boa oratória nas palestras e desenvoltura nas apresentações culturais. Durante a formatura do terceiro ano, marco de despedida do Ensino Médio, um professor de Literatura disse palavras de incentivo à adolescente, destacando seu espírito de liderança e seu dom de unir as pessoas e concretizar objetivos.

Após concluir um ciclo estudantil de sucesso, a jovem dava início a uma outra jornada. Era preciso definir um curso de graduação e um foco de carreira. Conversando com um amigo, após cogitar opções como Medicina Veterinária e Direito, ele lembrou-lhe da sua paixão infantil pela Odontologia. Bingo, agora tudo fazia sentido!

Da decisão ao vestibular, ambos foram aprovados na seleção para o curso de Odontologia da PUC Goiás e, atualmente, são calouros da primeira turma. Pioneirismo que fala, né?! E se engana quem pensa que a rotina acadêmica desta jovem de 18 anos se resume às aulas híbridas nestes tempos de pandemia. Giovanna fundou o Centro Acadêmico do qual é presidente, é representante de turma e coordena uma campanha solidária para arrecadar itens de higiene bucal para os pacientes atendidos na Clínica Escola Vida.

A dica do professor de Literatura lá atrás valeu para a vida e a jovem aplica, hoje, sua habilidade de liderança para interagir com os colegas, tomar decisões, aprender com as diferenças e concretizar ideias. Para a estudante, a Odontologia tem a missão de levar alegria para o paciente, devolver o sorriso para as pessoas, promover a saúde e a autoestima.

Que você continue a espalhar sorrisos e inspirar pessoas, Giovanna. Certamente, sua missão vai ultrapassar as paredes do consultório e transformar a vida de muita gente!

#OrgulhodeserPUC #SouPUC

Leia Mais
Empresas que doam bolsas de estudo podem contar com incentivo fiscal