Agora vai: saiba como fazer intercâmbio

Desejado por muitos estudantes, o intercâmbio é um sonho possível, mas exige mais do que a simples curiosidade e o domínio de outro idioma. Se ter a vivência do ensino superior em outro país é seu objetivo, este artigo é para você! Confira nosso passo a passo, as dicas e fique de olho nos editais de oportunidades com e sem bolsa de estudos. A palavra chave é planejamento.

Do início

Antes de iniciar seu planejamento, saiba que existem requisitos que são comuns a todos os editais. Para se candidatar a uma vaga de mobilidade internacional, é necessário estar regularmente matriculado em um curso de graduação da PUC Goiás. Dito isso, é necessário ter cursado no mínimo 20% e no máximo 80% do curso.

Isso significa que vale a pena se preparar com antecedência, principalmente porque outra exigência é que o candidato tenha desempenho acadêmico de excelência (média 7,0 ou superior) e pouquíssimas reprovações em seu histórico. A fluência no idioma do país de destino também é um requisito, afinal, você integrará uma turma de nativos em uma universidade estrangeira. A exceção a essas regras é o programa de bolsas de idiomas (veja no final deste post).

Passo a passo

Os processos seletivos para intercâmbio por convênios bilaterais (sem bolsa) e em rede (com bolsa) são distintos, mas algumas exigências são comuns. Seguindo os passos abaixo, você ficará ainda mais próximo de completar seu objetivo.

Para onde ir?

Veja a lista de universidades parceiras da PUC Goiás nos editais passados. Se seu objetivo for o de intercâmbio com bolsa, consulte também os editais específicos. Decidiu quais os países e as universidades possíveis? Seja crítico e veja em qual estágio você está, de acordo com as exigências do último edital. Tem a fluência necessária no idioma? Já possui passaporte? O dinheiro necessário (se for o caso)? Está dentro do período permitido para estudar fora (20% e 80% do curso)?

Se estiver com tudo certo ou se seu plano for se planejar para ir, visite o site da embaixada do país e veja quais as exigências para tirar o visto de estudante. Caso já queira se candidatar, siga os passos seguintes. Se não, use como um guia para ver o que virá pela frente.

Plano de estudo

É uma exigência comum em todos os editais para mobilidade acadêmica. Veja quais disciplinas quer cursar na nova universidade. Atenção: uma parte delas deve ser aproveitável no seu curso aqui na PUC. Converse com o seu coordenador de curso e aprove o plano antes de entregá-lo.

Histórico escolar

Solicite o seu histórico escolar e o comprovante de matrícula na secretaria da sua escola. Você deve ter os documentos impressos, devidamente emitidos pela secretaria.

Fluência

As universidades solicitam, geralmente, comprovação de proficiência no idioma local. Verifique qual o teste exigido e faça. Fique de olho, já que o edital pode ser mais flexível nesse ponto. Se precisar estudar, aproveite o desconto para acadêmicos de graduação e faça aulas e testes na PUC Idiomas.

Carta de motivação

Faça uma carta de motivação, em português e no idioma do país de destino, explicando seus motivos para fazer o intercâmbio, o porquê da universidade escolhida e quais disciplinas pretende cursar. É preciso ser conciso! Não faça textos maiores que uma página.

Seja cobrado apenas uma vez

Para muitas pessoas isso não é claro, mas, se você está investindo em um intercâmbio sem ter bolsa de estudos, não precisa pagar para estudar em duas instituições.

Confuso? Te explicamos melhor: mesmo indo para as melhores universidades do exterior, o convênio com a PUC permite que você pague apenas 20 créditos mensalmente por aqui, no período que estiver fora. Esse benefício pode constar em muitos editais. Veja se é o seu caso enquanto se planeja!

Confira a documentação

É hora de conferir tudo antes de seguir em frente e protocolar o pedido. Veja se tem todos os documentos necessários, além de seguros e vacinas (em alguns casos).

Precisa de bolsa?

Os acadêmicos da PUC Goiás têm acesso a oportunidades em rede graças a convênios firmados com o Santander Universidades. Anualmente, são ofertadas bolsas para mobilidade acadêmica (Santander Mundi), por um semestre, ou de curso de idiomas no exterior (Top Espanha), por três semanas, com tudo pago.

A maior parte dos cursos da universidade está elegível para o benefício, que já contemplou dezenas de estudantes da PUC Goiás, incluindo muitos bolsistas do Vestibular Social e do Prouni.

Quer conversar?

Você pode e deve procurar o máximo de informações que quiser, mas não deve e nem precisa passar por todo esse processo sozinho. Na PUC, você conta com a Assessoria de Relações Internacionais (ARI) para te auxiliar durante todo o processo. O contato é direto, pelo e-mail ari@pucgoias.edu.br ou pelo telefone (62) 3946-1239.

Leia Mais
Aluno bolsista conquista sonho de intercâmbio