Foto: Weslley Cruz

Bombeiro e professor: o ensino da química para oficiais

Engana-se quem acredita que o licenciado em Química esteja limitado ao ensino na educação básica. Considerada por muitos estudiosos como a ponte entre as ciências naturais, como a física e a biologia, a química é fundamental para o desenvolvimento industrial, tecnológico e para a segurança ambiental, demandando formações específicas que extrapolam as grades curriculares de escolas e universidades.

VAGAS
40
Duração do curso
4 anos (8 semestres)
Turno
Noturno
Formas de acesso
Vestibular Geral (prova ou Enem), Vestibular Social (prova ou Enem), Prouni, Fies, Transferências, Portador de diploma

Quer um exemplo? Todo bombeiro militar passa por formação para atendimentos de natureza química, biológica e nuclear. No Comando da Academia e Ensino Bombeiro Militar, todo oficial goiano é capacitado para atuar com segurança no atendimento a chamados de emergência e também na prevenção de tragédias químicas. “Pode ser uma ocorrência suicida, porque, às vezes, você não sente o cheiro, não sabe que produto é. Tem que estar bem orientado, bem equipado”, explica o capitão Wanderley Valério de Oliveira, egresso do curso e oficial do Corpo de Bombeiros Militar de Goiás (CBMG) que é uma das referências em toda a região Centro-Oeste.

A partir de aulas teóricas, simuladas e da consulta a guias e manuais especialmente preparados para oficiais, esses bombeiros conseguem atuar de forma eficiente e segura tanto para eles quanto para a comunidade atendida. Muito desse trabalho, em Goiás, cresceu com a atuação do capitão na corporação, algo que ele se orgulha. “Depois da minha turma, eu formei todas. Ministro cursos de operações envolvendo produtos químicos perigosos. Hoje, estamos atendendo uma ocorrência desse tipo por dia”, explica ele, que além da capacitação também é responsável pela pesquisa e produção na área.

Para além da licenciatura em Química, que concluiu em 2009, também é mestre em Ecologia e Produção Sustentável pela universidade, título que alcançou em 2012, após a apresentação da dissertação Acidentes com produtos perigosos no Estado de Goiás: evolução e causas. Diante disso tudo, o capitão Wanderley não pretende parar! “Isso é a minha vida mesmo, não é só a minha atividade no Corpo de Bombeiros. A Química é algo que eu vejo presente no meu futuro mesmo quando me aposentar”, afirma.

Outras carreiras

Além da atividade em sala de aula, ainda são carreiras possíveis para o licenciado em Química: pesquisa, direção e supervisão de responsabilidade técnica, assessorias e consultorias voltadas para o setor, perícias, serviços técnicos e laudos, funções técnicas diversas, como na indústria, além da análise química e físico-química de controle de qualidade.

Conheça o curso

Fundado em 2004, o curso de licenciatura em Química está instalado na Escola de Ciências Exatas e Computação, no Setor Leste Universitário. Ao longo de quatro anos, o estudante terá contato com diversas disciplinas específicas da área, mas também terá sólida formação pedagógica. Disciplinas voltadas para a química analítica, química orgânica, química dos elementos, química inorgânica, análise química aplicada, bioquímica, entre outras, compõem a matriz curricular. “É uma formação sólida tanto na parte de química quanto na humanística”, lembra o coordenador do curso, professor doutor Danns Pereira Barbosa.

O estágio, obrigatório a partir do quinto período, como em todas as licenciaturas, é feito em escolas campo conveniadas à universidade, em um total de 400 horas. A prática não está limitada ao estágio, no entanto. Durante o curso, você participa de atividades nos laboratórios de química orgânica, físico-química, analítica, inorgânica, eletricidade e magnetismo e ensino de química, além dos ambientes laboratoriais comuns a todos os estudantes da Escola de Ciências Exatas e da Computação.

Com movimento estudantil ativo e em diálogo constante com a coordenação, a comunidade estudantil sai beneficiada: pode participar ao menos uma vez na semana de eventos, visitas técnicas e palestras, podendo enriquecer o que é visto em sala de aula. O compartilhamento de experiências e estudos também é possível em diversas oportunidades, incluindo a Jornada Científica da Escola, que reúne acadêmicos e professores de todos os seus cursos. “É uma oportunidade deles apresentarem seus trabalhos, se aproximarem, verem o que um e outro estão fazendo”, ressalta o professor.

Formas de ingresso

O curso disponibiliza 40 vagas por semestre, no turno noturno. Você pode se candidatar por meio da etapa geral do Vestibular da PUC Goiás e da etapa Social, com bolsa de 50%, ambas a partir de provas da universidade ou com a utilização das notas das últimas edições do Enem. A última edição do Exame também pode ser utilizada para se candidatar a uma vaga por meio do Prouni ou do Fies. O curso também recebe estudantes nos processos seletivos para transferências e portadores de diploma.

Oportunidades e apoio estudantil

Como diferencial, o acadêmico de Química da PUC Goiás tem, além da formação humanística, a oportunidade de participar de atividades de monitoria, pesquisa e extensão. Pode ser monitor com bolsa ou como voluntário, participar de projetos de Iniciação Científica (IC), em contato direto com professores doutores, e de projetos de extensão, em contato direto com a comunidade. Para quem deseja viver as duas experiências de uma vez e ainda desenvolver pesquisas em grupo, o curso conta com uma liga acadêmica de Astronomia, onde os acadêmicos são orientados por um professor em atividades diversas.

Se precisar de auxílio para ingressar ou permanecer na universidade, o estudante pode contar com bolsas de estudo como as do Vestibular Social, do Prouni e da OVG; bolsas de atuação específica, como as de Iniciação à Docência (Pibid/CNPq), de Iniciação Científica (Pibic/CNPq e BIC/PUC); com financiamentos como o Fies, o Pode PUC e o PraValer.

Durante todo o curso, o aluno também pode integrar grupos de suporte oferecidos pela Coordenação de Assuntos Estudantis (CAE), contar com apoio psicológico gratuito ou a valores abaixo do mercado, a partir de parceiros, e se candidatar a vagas em oportunidades únicas que só uma universidade com o tamanho e o prestígio da PUC Goiás podem oferecer, como intercâmbios, workshops e grandes eventos científicos e comunitários de alcance regional, nacional e internacional.

Este e outros 25 cursos de graduação fazem parte do Vestibular Social, que oferece bolsas de 50% na mensalidade até o final do curso. E é do seu jeito: faça prova ou use sua nota do Enem.

Leia Mais
Plano de estudo: organizando a preparação