Foto: Wagmar Alves

Consultoria ambiental no caminho dos biólogos do futuro

Tem vontade de proteger a natureza e ajudar empresas a serem mais sustentáveis?! Então você pode se tornar um consultor ambiental. Conheça mais sobre essa nobre profissão da Biologia

Viajar para muitos lugares, ir a campo com uma equipe de geólogos, engenheiros e demais cientistas, fazer o levantamento da fauna e flora de uma determinada região, ter conhecimentos sobre legislação ambiental e avaliar o impacto de um empreendimento novo são algumas das (diversas) ações desempenhadas por um consultor ambiental, atividade clássica da Biologia que tem a missão de zelar pelo meio ambiente e minimizar riscos para a natureza e para a população.

De olho nessas demandas, a consultoria ambiental é um serviço que pode auxiliar as empresas a se tornarem mais sustentáveis, uma necessidade urgente e necessária do mundo contemporâneo. Durante seu dia a dia de trabalho, o biólogo analisa e avalia possíveis consequências ambientais que um projeto ou empreendimento pode causar.

Essa área chamou atenção de Fábio Antônio de Oliveira, egresso do curso de Biologia da PUC Goiás, que por meio desta carreira, conheceu vários estados do país. Como trabalha com fauna, teve a oportunidade de estudar a diversidade das espécies brasileiras. Atualmente, na área da consultoria, trabalha com ariranhas na região amazônica na divisa entre o Mato Grosso e o Pará, monitora mamíferos na zona litorânea do Rio de Janeiro, além de escrever relatórios para empresas goianas.

“Aprendi a atuação do biólogo no campo e no escritório. Para quem gosta de Biologia, é muito gratificante. Conheci muitas tradições e pessoas incríveis. O trabalho e o estudo também me deram a oportunidade de participar de eventos e congressos, já apresentei trabalhos no Brasil e no exterior”, relata o egresso, que também cursa doutorado em Geologia pela UNB e tem artigos científicos publicados em periódicos internacionais.

Esse caminho feito por Fábio começa na escolha pelo curso de graduação. Após optar pela Biologia, foi na universidade que ele começou a concretizar seu sonho de infância: trabalhar com Paleontologia, fazendo estágio dentro de laboratório. Como estudante também desempenhou atividades no Zoológico de Goiânia e no Ibama. Ao longo da graduação, conseguiu estágio remunerado para fazer levantamento, monitoramento e resgate da fauna para empresas de consultoria ambiental.

Opções para todos os gostos

Somando à consultoria ambiental a Biologia oferece, atualmente, 88 áreas possíveis de atuação. De acordo com o Conselho Federal de Biologia, o profissional pode atuar em qualquer uma das seguintes áreas: Meio ambiente e Biodiversidade; Saúde e Biotecnologia e Produção.

A coordenadora do curso de Biologia da PUC Goiás, profa. Mariana Telles, também socializa uma boa notícia para os interessados no ramo: o mercado de trabalho necessita de biólogos, já que muitos nichos ainda não estão ocupados no Brasil, devido ao grande leque de demandas. Para termos uma noção de como a profissão é eclética, o biólogo pode, por exemplo, trabalhar em hospitais, museus, aquários, órgãos públicos, hidrelétricas, laboratórios, na área de paisagismo, controle de doenças, fermentação de alimentos, entre outras áreas curiosas que, muitas vezes, são associadas a outras profissões.

Faça PUC

Na PUC Goiás, para o curso de Biologia, o estudante pode optar pela modalidade bacharelado, que proporciona uma formação generalista, habilitando o formando a atuar em qualquer uma das três grandes áreas regulamentadas pelo Conselho; ou pela licenciatura, para se tornar um professor com a formação científica, técnica e humanística que a profissão requer.

Leia Mais
Foi aprovado no Vestibular? Saiba o que fazer agora